quarta-feira, 27 de junho de 2007

A JUSTIFICAÇÃO MAIS FÁCIL DE DAR: PORQUE SIM!

Amo-te sem saber quem és,
Amo-te sem saber se existes,
Se calhar porque de ti necessito...
Ou talvez por assim estar escrito!

Amo o teu olhar... que não conheço!
Os teus lábios... que só posso inventar!
E o teu rosto...
que só me deixas imaginar!


Amo-te por se calhar és
A imagem que eu procuro...
Amo-te porque deves ser o Deus
Que não consigo encontrar...
Amo-te porque não sei se és real!

Mas se os teus dedos digitam
Pétalas suaves...
Eu quero estar entre elas,
E poder dizer assim:
AMO-TE... PORQUE SIM!

(um dia destes deitei-me com o bloco de apontamentos ao lado e quando acordei na manhã seguinte tinha escrito o que leram... eu ou a minha parte sonâmbula!!!)

61 comentários:

Ruela disse...

Interessante.

zetrolha disse...

A tua bardajona particular até que escreve umas coisas bonitas...Pois!Tu pões-te a dormir...ela tinha que se entreter com alguma coisa!

Kalinka disse...

Alexandre...só tu.

Uma folha em branco e tu a dormir e no dia seguinte a folha aparece escrita...se eu contar esta história à minha neta ela chama-lhe «magia»...

Pois é, Amigo, estamos no Verão, e isso significa muita agitação.
Foi assim que a minha última semana se passou - é só eventos importantes; o lançamento do 1º livro do Amigo Augusto, do blog Klepsidra;
a exposição de pintura da Amiga Margusta e, para a semana terminar em beleza, queria muito ir ao lançamento do livro do Amigo Mário...mas, não vai dar, pois é em Vila Nova de Gaia.
Depois de ter recebido os convites...decidi pôr-me a caminho.
Fui conhecer o bar/restaurante Ondajazz - Travessa Arco de Jesus,7 - Campo das Cebolas.
Venham comigo a uma espécie de visita guiada.

Boa semana. Abraços.

KA disse...

Alexandre,

Vim cá ter via Maria do Cheiro da ilha e adorei este post!!!

Oxalá tenha mais inspirações destas :)

Porque sim é uma razão tão forte como as outras não é?

Beijinho

irneh disse...

Espero que continues sonâmbulo!
Se a dormir tens destas inspirações, então acordado!!!
Ou será que não foste tu, mas sim quem estava ao teu lado, que escreveu esse poema para ti? "Amo-te porque deves ser o Deus...", "Mas se os teus dedos digitam pétalas suaves..."...

Continua a escrever, porque é sempre bom.

Beijinhos.

Alexandre disse...

É só para dizer que fui eu que escrevi!!! Aquilo do sonâmbulo era a brincar!!! Beijos e abraços!!!

elsa nyny disse...

Alex!!!

que lindo, que lindo este amor!Porque sim!!Porque se ama...amar , amar sem medida...por tudo e por nada...e porque sim!
AMEI!!!

Beijinhos!!!

Jardim Proibido disse...

Lindíssimo poema!
Não há dúvidas de que amas porque sim...


Tudo de bom.

Miss Slim disse...

Olá Alex, o Amor é Lindo mesmo.

Parabéns, muito bonito.

Bjo

un dress disse...

não há razões... ainda bem :)

é absurdo procurar porquês nas emoções e nos sentimentos...



beijO

MARTA disse...

Porque sim - poema inspirado e cheio de amor...
Está muito bom, Alex..
Gostei muito - até já
Beijos e abraços
Marta

Ana Luar disse...

Adorei Alex... Pk tb eu escrevi algo parecido, deixando que a caneta lambesse as páginas brancas de papel amassado... E tb não me lembro de as ter escrito... Sei apenas que elas apareceram ali...
assim:
*
Amo-te!
Sem enfeites, nem disfarces
Amo-te!
Do jeito seguro
Que se ouve nas canções de amor
Amo-te!
Com o mesmo amor
Com que folheio um livro.
Com paixão
Com entusiasmo
Com vontade de te ler
Amo-te!
Porque gosto de te amar
Amo-te!
Sem vergonha,
Sem ilusões,
Amo-te!
Na paixão
Que me atinge o corpo
Amo-te!
No tesão
Que o mesmo implora
Amo-te!
Porque em ti, tudo é natural
Elegante, perfeito, minucioso
Amo-te!
Quando unimos os corpos
E o prazer de nos possuir-mos
É a delícia infinita
De quem conhece o amor
Amo-te!
Na harmonia de um sorriso
Ou no reflexo da raiva.
Amo-te!
Preto no branco
No tudo e no nada
Na escuridão ou na luz.
Entre sussurros e gritos
Amo-te!
No êxtase máximo da posse
Um sem o outro não é amor
Juntos somos o verbo
Eu amo-te!
Tu amas-me!
Queremo-nos!
Somos propriedade um do outro
O sangue que corre nas veias
O fogo que queima a alma
Amo-te!
Como símbolo do efémero
Que eu desejo guardar.
Amo-te... porque sei que me amas
Amo-te...
.......porque tu és amor!

sofialisboa disse...

que bom que é amar assim...sofialisboa

José Alberto Mostardinha disse...

Viva Alexandre:

hummm... andas inspirado :-)

Um abraço,

Kalinka disse...

AMIGO ALEXANDRE
...estava só a brincar...
há que ter sentido de humor, sei bem que és capaz de escrever isso e muito mais...

Andas fugido do meu kalinka.
Porque será?

sinha disse...

ola...
tenho passado a minha vida a amar assim (e nao so... porque sim)
esperar cruzar aquele olhar que nao conheco... a mao carinhosa que preenche o meu desejo...
pois,
nao deve ser real...

tenho passado por aqui em silencio... mas hoje nao resisti!
bonito poema...
e linda a foto da baia de um dos ultimos posts...

beijinhos

Diário de um Anjo disse...

Muito bonito sim sra!

continua a escrever, sonâmbulo ou acordado, não pares!

Beijinho

Ahlka disse...

Um dia em tempos idos, uma colega disse «sinto-me apaixonada, mas não sei por quem».
Achei engraçado esse sentimento... hoje venho reencontrá-lo aqui expresso de forma tão bela e poética. Lindo. O somnâmbulo que há em ti tem talento :)

PS. A curiosidade levou-me a empurrar a porta que estava encostada, mas não consegui sair em siêncio ;)

melga meiguinha disse...

Alex,

Gostei muito. Simples e bonito.
Escreva mais por favor.

Beijocas e bom fim de semana.

Rosa Maria disse...

De todos os porquês, para mim, esse é o que explica melhor...PORQUE SIM!
Fica um beijo

melga meiguinha disse...

Alex,

E porque é que o Fernando Pessoa não pode ser a Florbela Espanca no feminino?
Que machismo!(estou sorrindo).

Beijocas.

Zé Pedro disse...

Amigo Alexandre,

O Catano nomeou o Fundamentalidades para as 7 Maravilhas da Blogosfera, não poderia passar ao lado de um dos blogs mais cultos que visito.

Abraços do Catano !!!

Vladimir disse...

tens de continuar a escrever no meio de um certo sonambulismo, porque saiu muito bem....gostei....

Momentos Inolvidáveis disse...

Lindo Alexandre...

Uma vez li num livro esta frase "...uns tocam-nos o corpo sem nunca nos tocar a alma... e outros tocam-nos a alma sem nunca nos tocar o corpo..."...

Penso que esse é o verdadeiro AMOR... aquele que mesmo sem nos tocar... nos diz tanto... ;)

kiss

DairHilail disse...

amor...amor...amor...que lindo amor...porque sim.
1 beijo

joão oliveira disse...

Ola amigo Alexandre, tomara eu que isso acontecesse comigo, mesmo sonâmbolo, como diz, escreveu um poema magnifico e bestial sobre o amor.
um abraço

Shelyak disse...

Para além de ser um poema lindo, para mim, mais importante é o que lhe está subjacente... são tantas as vezes que procuramos, procuramos, procuramos...sentimos a falta, sabemos que está lá...onde...? não sei... mas está sim... dói quando se sente que está perto e não se encontra... dói quando a vida é vazia de paixão... ingloriamente...
Parabéns, meus...
Abraço,Alexandre...

Um Momento... disse...

Podes passar na minha casinha ??
Tenho algo para ti:)
Procura la sim?
Beijo de noite serena (*)

Thunder disse...

Vim ler e gostei...porque sim!
Leva mais vezes o bloco de apontamentos para a cama.Vê-se que têm uma boa relação! ;)
Beijos.

Isabel-F. disse...

maravilhoso ...
que posso eu dizer-te?

simplesmente: Parabéns


beijinhos e bom fim de semana

Cocas disse...

Olá!!!!
Todos nós já sabemos que escreves bem e aqui está a prova!
Espero que esteja tudo bem contigo,dá noticias, beijos.

PoesiaMGD disse...

E assim deve ser! Ama-se porque sim... simplesmente!
Muito bonito!

Lusófona disse...

Para tanta inspiração, acho que o amor está no ar.

E viva o Amor!!

Beijinhos

C_britto disse...

Alexandre,

Amamos sem saber porque, simplesmente amamos!

Lindo....Aplausos!!!

(Falta -me tempo, eu falto aqui desculpa).

Prometo vir mais vezes...

Obrigada pela visita.

Beijimmm Alex...

;)

Teresa David disse...

Cheira-me que como tímido que aparentas ser precisas de estar meio a dormir, ou mesmo a dormir para deixar sair plenamente esse lado poético que é lindo, porque sim!
Bjs
TD

Alvaro Gonçalves disse...

Oi meu amigo, meu anjo,

Amei, amei!!!
Lindo demais, este AMO-TE!
E com esta música..., nossa..., recordei belos momentos vividos.
Continua assim, pois a tua veia de poeta está cada vez melhor.
Desejos de bom fim de semana e uma semana cheia de paz e amor.
Xi - corações mil (porque sim), amigo.

O Sibarita disse...

Olá Alexandre, desculpe-me pela demora em vir aqui, é que ando viajando a trabalho e aí fico sem tempo para andar pelos blogs dos amigos.

Então sua parte sonâmbula escreve e como escreve bem hein? kkk Belo poema!

abraços,
O Sibarita

Rafael Velasquez disse...

apaixonado?

Maria disse...

Continua a escrever, sonâmbulo....
A foto, também foi tirada nesse estado de semi inconsciência? É que está lindíssima....

Beijinhos

Alexandre disse...

Maria,

as flores foram «colhidas» conscientemente num jardim em Évora, heheh!!! Obrigado!!!

Beijinhos!!!

Gi disse...

Alexande, escrevi por aí algures ainda há dias precisamente o que tu escreveste no título deste post. Gosto por que sim, porque não é preciso dar nenhuma razão para gostar. É o nosso lado emocional que fala nesta coisa de sentires. A razão por norma é posta de lado.

Gostei do teu poema , deste hino ao amor. Se tu dizes que és um anónimo numa multidão anónima porque é que o teu amor não há-de estar lá também? :)
Em algum lugar existe a outra metade da laranja, às vezes mesmo ao lado , também à nossa procura!


Um beijinho grande e bom fim de semana

zetrolha disse...

Só passei por aqui para pegar no meu guarda-chuva,que me tinha esquecido.
Com licença!

MiE disse...

Hummm, acho que estavas a sonhar comigo.

Bom dia

:)))

mymind disse...

hehe tens jeito... parabens =)
bm f-d-s
bjinhos

Linda Paixão disse...

Olá Alexandre! Não é dia 2 de Julho, é dia 6 =P
Opah,adorei a foto e o poema...
Se fazes coisas destas num estado de sonambulismo, imagino quando estás na tua perfeita consciência!
Parabéns
Beijos e bom fim de semana***

Nilson Barcelli disse...

O amor, de facto, não se explica nem se deve procurar, pois ele acontece quando menos se espera.
Um belo poema.
Bom fim-de-semana, abraço.

margusta disse...

Querido Alexandre,
...e que LINDO poema escreves-te!!!...

Boa ideia essa de levar o bloco de notas para a cama, sabes que por vezes ocorrem-me frases lindas quando acordo de noite...mas de manh� j� tenho esquecido...


Um beijinho para ti e um bom fim de semana!

Mara Pereira disse...

Compreendo quando fala em "minha parte sonâmbula", é muitas vezes nos momentos em que o sono se aproxima que ficamos mais perto de nós mesmos, da nossa essência, que em criança era tão mais presente nas nossas vidas. Na essência vive o que realmente somos,sentimos. Voçê escreve muito bem, continue parabéns. Escrever sobre o amor de algo ou alguém que sabemos que existe embora ainda não se tenha cruzado no nosso caminho real não é fácil, por isso parabéns.

Isabel-F. disse...

Oi...

Acabas de ser galardoado com um prémio.
Podes ir buscá-lo ao meu Blog.

Beijinhos

Flôr disse...

Oi amigo :)

Desculpa, mas não resisti... tu sabes que não resisto a flores!!! por isso, "levei-te" algumas para enfeitar o apartamento onde estou a passar férias.... que flores lindas!... eu amo flores... eu amo o sol.... eu amo o céu...eu amo a vida... eu amo as nuvens... eu amo, porque amo... EU ATÉ AMO A TI! :)é isso mesmo, também te amo. :)


Beijo no teu coração da amiga Flor


Quando voltar de férias, terei todo o prazer em ler com atenção todos os posts e comentá-los...

Laura disse...

Lindo lindissimo. Eu começo a cantarolar para dentro a maior parte das vezes na cama, e tenho bloco e esferográfica ao lado, por vezes nem pego, vou direitinha ao pc e escrevo ali. Durante o dia ando pela casa nos meus afazeres e lá vou escrevendo , acho que tenho algo desse género escrito. hei-de procurar e depois mostro a ti. beijinhos e será que queres vir no nosso cruzeiro? Já somos muito, quero originalidade...

Sei que existes disse...

Olha alex, adorei o teu poema!!
Tá fabuloso! Tens mesmo jeito para isso.
Devias escrever mais!...
Beijocas

Laura disse...

Lindo Alexanre!
Fico comovida quando um homem fala de amor, escreve, mesmo a dormir, e nem tem medo da palavra...amor.
Beijos

Menina do Rio disse...

Amo-te porque te amo
Sem que nem porque
apenas amo
porque assim tem que ser...

Gostei deste teu sonambulismo!Porque as vezes carece sonhar...

beijos

Pekena disse...

Hmmm... gostei dessa tua inspiração :D

Acho que o deves fazer mais vezes, porque parece que o resultado final acaba por ser engraçado.

"Amo-te... porque sim" - São as razões do coração :)

Beijocas grandeees!!!

Juℓi Ribeiro disse...

Alexandre!

Lindo versejar!
Sua sensibilidade
e talento se destacam;

Mas se os teus dedos digitam
Pétalas suaves...
Eu quero estar entre elas,
E poder dizer assim:
AMO-TE... PORQUE SIM!

Um abraço.*Juli*

Marrie disse...

Espero q continues a sonambular!
Lindo poema....

Papoila disse...

Vou no quarto clic para ouvir a "Menina" e fui te lendo. Em relação à parte ecologica confesso, sinto vergonha, mas ...não faço reciclagem :)
Violência Doméstica ...tão encoberta por vezes no nosso país (um video lindo sobre o tema ... Polo Norte - Pele) :)
Este poema de amor ...LIndo (Já estou de novo a ouvir a menina);

Agora olhei para o lado e, a parte má .... o Tteu apoio à CML...chiiiiii - Não vou entrar em politica agora sobre pois já estamos em período de reflexão mas pelo que vi e pelo que conheço da lista não me parece um bom apoio....

BEijocas
Gostei de estar aqui
BF

Dança de lágrimas... disse...

Eu gostei de te amar só porque sim... e de amar e ler e ficar a chorar só porque sim...

Sol da meia noite disse...

Não queres oferecer este poema ao meu sol?

Que falta lhe faz...

a.filoxera disse...

Reparáste que tens nada menos que 60 comentários?
Primeiro, é um poema. Segundo, o amor é tema que atrai. Terceiro, parece que talvez o teu mundo tenha muito de feminino; não me parece feito daquela grande clivagem que referias na escolha dos livros.
Na minha forma de ver, nem nós somos só emocionais nem os homens apenas racionais, pelo contrário, modos de encarar o mundo como estes já descatualizaram há NNN...